PRINCIPAIS LINHAS DE PESQUISA

O instituto está focando no estudo de condições ambientais de diversas naturezas, seu impacto nas condições de saúde e as possibilidades de interação e formação de políticas públicas cientificamente embasadas voltadas para o controle dos diferentes riscos ambientais existentes em nossa sociedade.
Pesquisa: utilizar as alterações induzidas pela exposição a poluentes como uma oportunidade para compreender a biologia humana; meta desenvolvida com estudos experimentais na área de inflamação, carcinogênese, efeitos pulmonares e cardiovasculares, impactos na reprodução, entre outros. Educação:

a) aumentar a densidade de pessoas capacitadas interessadas em saúde ambiental;

b) incorporar as ciências ambientais na educação de crianças e adolescentes e no dia-a-dia da população geral;

Políticas públicas:

a) desenvolvimento de métodos simples, eficientes e de baixo custo para a avaliação da exposição para aplicação em áreas sem infraestrutura de monitoramento convencional da poluição;

b) oferecer suporte para autoridades municipais, estaduais e federais na avaliação do risco e dos efeitos na saúde em áreas críticas.