Instalações de crescimento de plantas do INCT-FBN no Departamento de Bioquímica e Biologia Molecular-UFPR

O INCT da Fixação Biológica de Nitrogênio tem como missão fundamental a prosseguir o desenvolvimento de novas tecnologias para melhorar a produtividade agrícola através do uso de bactérias fixadoras de nitrogênio. Culturas agrícolas importantes utilizados nestes estudos incluem arroz, milho e trigo, alimentos essenciais para seres humanos e animais, bem como a cana-de-açúcar, a principal fonte de etanol no Brasil.

O Instituto irá prosseguir a investigação fundamental para a Biologia Molecular da Fixação de Nitrogênio, interações planta-bacteriana e Ecologia Molecular de bactérias diazotróficas, que visa o desenvolvimento e a seleção de cepas bacterianas fixadoras de nitrogênio que melhor se adaptem e altamente eficientes para promover o crescimento das culturas agrícolas.

O conhecimento gerado deve apoiar o desenvolvimento de tecnologias que visem o desenvolvimento ea utilização de inoculantes bacterianos como biofertilizantes. Esta prática vai ajudar a reduzir os custos de produção agrícola e os impactos ambientais adversos causados por fertilizantes nitrogenados, com a consequente melhoria da competitividade e produtividade das culturas agrícolas no Brasil.

Para concretizar este objectivo de produzir um impacto positivo sobre a sustentabilidade da agricultura no Brasil, o pessoal do Instituto reunir pesquisadores altamente qualificados nas áreas de Biologia Molecular, genômica, proteômica, bioinformática e transcriptómica. Um efeito multiplicador positivo na formação de profissionais altamente qualificados nestas áreas do conhecimento é esperado.